Isabela, a ilha da alegria – Galápagos



isabela galapagos

Essa foi a ilha que mais gostei de todas. Adorei esse ar de cidadezinha do interior com poucas ruas asfaltadas, uma praça no meio e uma praia com marzão azul e areia branca. Além disso, em Isabela me diverti muito com outros viajantes que conheci no hostel, joguei volei na areia com nativos, tomei cerveja ao lado de uma fogueira e andei de bicicleta por caminhos lindos.

Isabela é a maior ilha do arquipélago, tem cerca de 4.600 quilômetros quadrados, e tem um pequeno aeroporto, mas que só recebe voos entre as ilhas. A única empresa aérea que faz esses voos é a Emetebe. Eu cheguei lá de barco, como a maioria faz. As lanchas que vão pra Isabela saem de Santa Cruz às 7am ou às 14h. A viagem custa US$30 (cada trecho) e dura cerca de 2 horas. O tempo varia dependendo de como está o mar, agitado ou não.

Também curti esse lugar porque ainda tem poucas construções e casas. Além disso, a cidadezinha de Puerto Villamil é mega tranquila. Pra vocês terem uma ideia, eu passei 3 dias em Isabela e no segudo dia eu já cumprimentava as pessoas na rua.

isabela galapagos

Passeios
A longa praia de Villamil deve ser caminhada tranquilamente pelo menos uma vez.

isabela galapagos

Outro lugar que vale a visita é o Muro de las Lágrimas. Eu aluguei uma bicicleta (US$2 por hora) e pedalei cerca de 5 quilômetros por um caminho cheio de vegetação, iguanas e tartarugas.

A trilha é bem sinalizada e tem vários lugares pra ir parando, como a Playa del Amor, onde dizem que entram 2 iguanas e saem 3.

isabela galapagos isabela galapagos isabela galapagos isabela galapagos

Também tem um mirador com uma bela vista de parte da ilha.

isabela galapagos

E depois de 1h30 de pedalada, se chega ao muro que, na verdade, não tem nada demais. O que é interessante é que ele foi construído por presidiários que foram levados à ilha lá pelo ano de 1944. Segundo dizem, para que os homens não ficassem ociosos, eles eram obrigados a construir esse enorme muro. Uma coisa que achei bacana é que ele foi feito sem cimento. É pedra sobre pedra mesmo, todas bem encaixadas.
isabela galapagos isabela galapagos

Se você não tiver pique pra pedalar, também dá pra chegar lá de carro. Recomendo fazer esse passeio logo cedo ou no fim da tarde por causa do calor.

Outra atividade legal é visitar Sierra Negra e o Volcán Chico, que estão a quase mil metros de altitude acima do mar.

isabela galapagos

A ilha tem 6 vulcões, 5 deles ainda ativos. A caminhada é bem puxada, são cerca de 16 quilômetros (ida e volta) por um terreno cheio de pedras. Um exercício que vale a pena se você quer conhecer a segunda maior cratera do mundo. Sierra Negra mede nada menos do que 10 quilômetros de norte a sul, incrível! A última vez que esse vulcão entrou em erupção foi em 2005, e o fenômeno durou uma semana.

isabela galapagos

Durante o passeio dá ver pequenos túneis de lava petrificada e formações vulcânicas que soltam fumaça, chamadas de forninhos. Dica, vá com um calçado velho, meus tênis voltaram bemmmmm sujos de lá.

isabela galapagos isabela galapagos isabela galapagos isabela galapagos

Várias agências oferecem esse tour. Eu paguei US$35 e o passeio durou das 8h até às 14h. Também tinha um pequeno lanche incluído no preço, além do transporte.

Pra quem curte a vida marinha, dizem que em Isabela está um dos melhores lugares pra fazer snorkel e mergulho, em Tintoreras. Eu não fiz, por isso não posso recomendar diretamente, mas o pessoal que conheci no hostel fez e voltou mega feliz. O espanhol Fernando L. Tirado me passou algumas das fotos que fez por lá, com direito a tartarugas marinhas, dezenas de peixes diferentes, leões-marinhos e até mesmo tubarões.

Foto: Fernando Lozano

Foto: Fernando Lozano

Foto: Fernando Lozano

Ainda bem que eu não dei de cara com esse tubarão. Foto: Fernando Lozano

Outra coisa legal é visitar a Laguna de los Flamingos. Tive a sorte de encontrar este dois que brincavam felizes na água.

isabela galapagos

Assim como acontece em Santa Cruz, Isabela também tem um centro de criação de tartarugas gigantes. O lugar está aberto a visitação todos os dias e a entrada é gratuita.

isabela galapagos

Balada
Como você pode imaginar, a graça de visitar Galápagos é curtir o dia. Por isso, a noite termina cedo e o dia também começa cedo nas ilhas. Um lugar bacana que conheci em Isabela, dos poucos que tem lá, é o bar Casa Rosada, ao lado do Hotel Iguana. O mais legal é que locais e turistas se reúnem ali pra tomar uma cerveja no fim da tarde, jogar volei e bater papo. E alguns esticam a conversa até meia-noite ao lado de uma fogueira improvisada. Eu adorei esse bar com atmosfera bem de praia e muito relax.

isabela galapagos

isabela galapagos

Acomodação
Fiquei hospedada no Hostel La Jungla e foi suuuuper legal. Conheci vários viajantes e fizemos um grupo bacana ali. Os quartos são grandes e confortáveis. Alguns têm banheiro dentro do quarto. Não tem ar-condicionado, só ventilador. Paguei US$15 por noite, sem café da manhã. A melhor parte é que o hostel fica bem de frente pra praia e dormir ouvindo o barulho das ondas faz a noite de qualquer mortal mais feliz.

O proprietário do Jungla é o simpático “Papi”, que tem uma chiva (caminhão-busão) que leva e busca turistas no trapiche, de onde saem as lanchas pra ilha de Santa Cruz. Além disso, ele oferece tours e atividades pra fazer na região. Ah, o Papi também tem bicicletas e máscaras de snorkel pra alugar. Tem de um tudo lá!!

O super "papi" no meio e os dois espanhóis amigos que conheci no hostel; David e Fernando

O super “papi” no meio e os dois espanhóis amigos que conheci no hostel; David e Fernando

Dei uma pesquisada e esse foi o lugar mais barato que encontrei em Isabela. Tem várias opções de acomodações modestas e simpáticas nessa ilha. A maioria cobra entre US$20 e US$25 por noite por pessoa.

Dinheiro
Isabela é a única ilha que não tem caixa eletrônico. Antes de ir pra lá, lembre-se de levar dinheiro (dólar) cash. A economia equatoriana é dolarizada e a moeda que circula no país e em Galápagos é o dólar. De preferência, leve bilhetes de 20 e de 10, a maioria não gosta de pegar notas de 50 ou de 100 dólares. Ao chegar em Isabela os turistas pagam uma taxa de US$5 de conservação.

Em breve, o Mochila Cult vai lançar um guia completo de Galápagos. Fique de olho!!

Pra saber mais sobre Galápagos tem outros posts aqui:
- Descobrindo Galápagos
-Como é voar com a Aerogal
- O que fazer em Santa Cruz
- Leão marinho de San Cristóbal

Curtiu este post? Curta também a página do Mochila Cult no Facebook!!

© Direitos reservados. Proibido reproduzir textos e fotos deste blog sem a minha autorização 

2 Comments

  1. Mauro's Gravatar Mauro
    November 22, 2013    

    Olá Lucila. Muito bons os seus posts sobre as ilhas.
    Saberia informar o horários das barcas que saem de Isabela para Santa Cruz?

    • Lucila's Gravatar Lucila
      November 22, 2013    

      Oi, Mauro
      Justamente estou preparando um guia com muita informação sobre Galápagos (com o horário de todos os barcos de ilha pra ilha e muito mais), e sobre o Equador tmb. De qualq. forma, a lancha de Isabela sai às 6am e tem outra no começo da tarde tmb. Em breve sai o guia, fica de olho! :)
      Abraços!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Especiais

Especiais

Descontos? Reserve já seu hotel pelo Booking

Receba novos posts direto no seu email


PARCEIROS

PARCEIROS