Graffiti tour em Buenos Aires



graffiti

Conhecer uma cidade não é só visitar museus, restaurantes e fazer compras. Muitas vezes um pouco da sua identidade também está escondida em bairros menos turísticos, naquele vizinho tímido e até mesmo nas paredes. Buenos Aires é um pefeito expemplo disso. Outro dia resolvi conhecer alguns dos graffitis da cidade por dois motivos; para tirar fotografias e para saber um pouco mais sobre a história que está por trás dessa forma de expressão de arte.

Coloridos, provocativos, grandes, minúsculos, com mensagem, com sacanagem, divertidos ou maliciosos, encontrei dezenas de graffitis interessantes durante o tour “Hidden Wall”, que fiz com o pessoal do Graffiti Mundo.

graffiti graffiti graffiti

O grupo se reuniu no bairro de La Boca, numa tarde chuvosa, mas que não nos desanimou. Subimos na van e a primeira parada foi na frente de uma prisão abandonada no bairro de Barracas. Seus grandes muros são um convite quase irrecusável para muitos graffiteiros.

O argentino Jaz, que costuma pintar com gasolina misturada com asfalto, deixou sua pintura estampada ali. Suas obras quase sempre são simétricas e seus personagens aparecem usando máscaras. Outra característica sua é utilizar linhas pretas.

graffiti

Enquanto percorremos as ruas de Buenos Aires me dou conta de algo engraçado; parece que agora vejo graffitis em todos os muros. “Muitas vezes quando um artista conhecido faz um graffite, aos poucos, outras paredes começam a receber pinturas também. É uma forma de reconhecimento feita pelos outros grafiteiros. É o que eu chamo de efeito contágio”, explica Cecilia Quiles, a simpática guia que nos acompanha no tour.
Depois dessa explicação fiquei mais tranquila e vi que não estava alucinando.

A poucos quarteirões dali encontramos um graffiti do artista italiano Blu. Fiquei na dúvida se as pessoas desenhadas estão sendo expelidas ou se estão entrando no mundo?

graffiti

Durante o tour fiquei sabendo de fatos curiosos como o de que o ano de 2001, o do famoso “corralito”, foi uma espécie de detonante do graffiti social na Argentina. “Muitas pessoas e grupos saíram às ruas não só para protestar com faixas e panelas. Teve gente que começou a manifestar também nas paredes a sua raiva contra a situação política e econômica que o país estava vivendo. Foi a forma que encontraram de dizer que a rua também é nossa”, contou Cecilia.

Seguindo com o tour, passamos pelo muro de uma empresa na Avenida Herrera, com vários stencils (outra técnica de pintura). O diferencial é que esse trabalho foi pago. Ou seja, os artistas receberam dinheiro para deixar suas obras plasmadas ali. “Algumas empresas nos procuram para que os grafiteiros pintem seus muros e até mesmo interiores de lojas. É como um reconhecimento do trabalho que eles fazem”, explica a guia.

graffiti

A guia Cecilia explicando sobre o stencil

graffiti

Acabei descobrindo também que Buenos Aires tem uma espécie de polo artístico em ascensão, como é o bairro de Barracas. O governo da cidade está impulsionando essa parte da cidade, que antes estava quase abandonada com seus antigos barracões e fábricas, para que as pessoas abram ateliers e negócios ligados à arte.

Tanto é assim que há dois anos a prefeitura da cidade organiza o “Meeting of Styles” (MOS), um festival itinerante de arte urbano onde vários artistas locais e internacionais são convidados a deixar suas obras em muros de algumas cidades. Esse festival nasceu na Alemanha. Em 2011 e 2012, Buenos Aires recebeu o MOS e vários artistas embelezaram alguns muros do bairro de Barracas, perto das ruas Santa Maria e San Ricardo.

graffiti graffiti

Curti esse aqui de baixo pintado só por grafiteiras. É engraçado ver como os traços e as cores utilizadas pelas mulheres são bem diferentes daqueles pintados pelos homens.

graffiti

Outro que me chamou a atenção foi essa tartaruga gigante que parece estar nadando no meio da parede. Olha só o tamanho do homem sentado embaixo. Com essa escala dá pra ter uma boa ideia do tamanho desse graffiti.

graffiti

Depois de fugir da chuva, percorrer várias ruas durante três horas e ouvir histórias interessantes sobre o atual cenário da street art portenha, terminamos o passeio em um bar que está totalmente decorado com graffitis, é claro.

Me amarrei no terraço do Post Street Bar (Thames, 1885, em Palermo), lugar perfeito pra tomar uma cerveja gelada no verão e admirar os desenhos.

graffiti graffiti

Nesse bar também funciona uma galeria de street art. Geralmente, os artistas que vendem e expõem suas obras estão por ali e dá pra bater um papo tranquilo com eles.

graffiti graffiti

Esse tour foi uma cortesia da Graffiti Mundo. Eles são uma ONG que, além de organizar vários tours por Buenos Aires, também dão suporte aos grafiteiros locais e ajudam a promover seus trabalhos.

Serviço
O “Hidden Walls” da Graffiti Mundo é feito aos sábados, saída às 15h do bairro La Boca. O tour é feito de mini-van e a guia fala em inglês ou espanhol. O preço é de US$35 por pessoa e dura cerca de 3 horas. Mais informações no site da empresa.

Tem outro post onde conto mais sobre os graffitis portenhos, num passeio que fiz de bicicleta. Não percam!!

graffiti graffiti

Encontrou o que queria no blog, a informação foi útil pra você? Quer me retribuir? Então reserve um hotel através do Booking que tem ótimos descontos. Você não paga mais se reservar por aqui, e dessa maneira o Mochila Cult recebe uma pequena porcentagem para continuar com as viagens. Agradeço desde já!

Curtiu este post? Curta também a página do Mochila Cult no Facebook!!

© Direitos reservados. Proibido reproduzir textos e fotos deste blog sem a minha autorização

11 Comments

  1. October 15, 2013    

    Belo post! Li ontem pelo celular e voltei hoje para ver as fotos. Adoro graffites e sempre fico de olho nas paredes dos lugares. “Os muros falam”!!! Bjoooos

    • Lucila's Gravatar Lucila
      October 15, 2013    

      Que bom que vc curtiu o post, Cris. Beijos

  2. October 16, 2013    

    Belo Post. Algo que eu adoro em um lugar que fui e não vi. Pena que esse tipo de tour não é tão divulgado pelas operadoras de turismo – pelo menos eu nunca ouvi/vi nada a respeito quando estava planejando minha viagem. Apesar de clássica, BsAs tem um ar moderno e cult ao alcance de todos mas subaproveitado! A partir de agora, leitora do blog e seguidora do twitter rs!

    • Lucila's Gravatar Lucila
      October 16, 2013    

      Oi, Giovanna
      Que ótimo que vc curtiu o post. Sim, B. Aires tem mil coisas diferentes pra fazer. Como moro aqui há quase 3 anos, aos poucos, vou descobrindo programas bacanas e divido tudo com vcs aqui no blog. Passe sempre pra ler as novidades e deixar teus comentários.
      Abração!

  3. October 17, 2013    

    Oi, Lucila. Tudo bem? :)

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia

    • Lucila's Gravatar Lucila
      October 17, 2013    

      Valeu!! Abraços!!

  4. October 19, 2013    

    ADOREI! Buenos Aires é uma cidade riquíssima em arte de rua! Muito legal esse tour e a indicação do graffitimundo. abraços.

    • Lucila's Gravatar Lucila
      October 19, 2013    

      Oi, Alessandra
      Que bom que vc curtiu. Qdo. vier a B. Aires, não deixe de conhecer os graffitis portenhos. Abraços!

  5. Guga's Gravatar Guga
    November 5, 2013    

    Eu conheci o Post Street Bar! Gostei muito!!

  6. Luiz Felipe Mendes's Gravatar Luiz Felipe Mendes
    November 14, 2013    

    Já fiz este tour,só que na Meca da Urban Street Art ( Londres). É muito gratificante entender e conhecer um pouco da cultura do grafitti, uma característica que me chama a atenção dessas obras é sua efemeridade, afinal a qualquer momento a obra pode deixar de existir, por N motivos. Enfim, parabéns pelo site e pelas dicas.

    • Lucila's Gravatar Lucila
      November 14, 2013    

      Oi, Luiz
      Bacana. Em Londres tmb deve ter vários graffitis legais, né? Obrigada pela visita e volte sempre pra ler as novidades. Abraços!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Especiais

Especiais

Descontos? Reserve já seu hotel pelo Booking

Receba novos posts direto no seu email


PARCEIROS

PARCEIROS